top of page
  • Foto do escritorGrupo FX

ROI no RH: o que é, qual a importância e como calcular

Mensurar o ROI é uma maneira de tornar o RH mais estratégico e justificar os investimentos da área.


ROI no RH: o que é, qual a importância e como calcular
Qualquer área que deseja se tornar estratégica precisa ser orientada por dados, com resultados reais e comprovados, e no RH, mensurar o ROI pode ajudar a chegar a esse cenário.

Você já deve ter ouvido que o setor de RH deixou de ser uma área tradicional e burocrática para se tornar parte estratégica das empresas. Mas pouco se fala como isso funciona na prática, e principalmente como essa transformação acontece.


Qualquer área que deseja se tornar estratégica precisa ser orientada por dados, com resultados reais e comprovados, e no RH, mensurar o ROI pode ajudar a chegar a esse cenário.


O ROI é uma ferramenta fundamental quando falamos de RH estratégico, mas é comum que muitos profissionais ainda não saibam sua importância e como calculá-lo. Neste conteúdo, você aprenderá o que é ROI, como calcular o ROI no RH e muito mais!


O que é ROI?

ROI é uma sigla em inglês para o termo Return On Investment, que em tradução literal significa Retorno Sobre Investimento. Essa ação tem como objetivo mensurar o percentual dos resultados financeiros de uma área ou até de uma ação.


Ou seja, o ROI tem como função calcular o dinheiro que entra e quanto sai em cada operação, indicando quais são os lucros ou prejuízos efetivos de acordo com o investimento feito.


Dessa forma, o ROI é um KPI importante para o RH, uma vez que auxilia no controle e otimização dos recursos financeiros do setor.


Afinal, a partir disso, é possível observar se os investimentos aplicados são viáveis e justificar determinadas estratégias, seja para recrutamento, gestão de pessoas ou reputação da marca empregadora.


Quais áreas podem calcular o ROI?

O cálculo de ROI é muito importante para diversas áreas de uma empresa, pois ele pode servir como base para a tomada de decisões e criação de estratégias. Entre os setores onde o indicador é mais utilizado estão respectivamente:


  • Marketing: normalmente utilizado para medir o retorno de campanhas publicitárias e de mídia paga;

  • RH: serve para mensurar os resultados de recrutamento e outras ações que demandaram investimentos financeiros;

  • Financeiro: para detalhar o quanto foi agregado ou perdido na empresa como um todo;

  • TI: para analisar se o investimento em ferramentas tecnológicas tem sido efetivo.


Como calcular o ROI?

Se você chegou até aqui, deve estar se perguntando como calcular o ROI do RH. O fato é que existem algumas maneiras de realizar o cálculo de ROI, no entanto, a fórmula mais simples é a seguinte:


ROI = Receita – Custo/Custo


Portanto, na prática, se a empresa investiu R$ 5 mil em uma determinada atividade e após essa ação observou o lucro de R$ 15 mil, temos o seguinte cálculo:


ROI = (15.000 – 5.000)/5.000


ROI = 2


Ou seja, o retorno sobre investimento foi duas vezes maior que o valor inicial, isso porque pagou os custos da operação e gerou o dobro de lucro.


Para obter o lucro em porcentagem (%), basta multiplicar por 100 o valor final. Exemplo:


ROI (%) = 2 x 100


ROI = 200%


Talvez faça sentido pelo menos um H3 com a lista de possíveis gastos para incluir no cálculo do ROI do RH


Investimentos a serem considerados no ROI no RH

Todas as atividades do RH podem ser mensuradas no cálculo do ROI, mas na prática programas curtos e pontuais podem ser desconsiderados na avaliação.


No geral, é importante considerar os gastos e impactos de ações voltada para:


  • Recrutamento e seleção;

  • Contratação;

  • Retenção;

  • Treinamento e desenvolvimento;

  • Feedbacks;

  • Engajamento e valorização.


Além disso, pode ser levado em consideração os investimentos feitos no próprio RH, como a contratação de um colaborador, treinamentos ou a contratação de uma ferramenta para facilitar os processos.


Por que mensurar o ROI no RH?

Agora que você já sabe o que é ROI, é importante entender também porque essa ação é cada vez mais essencial para o RH.


Mensurar o ROI do RH tem como principal objetivo acompanhar os resultados da área com base no retorno financeiro e justificar para a empresa os investimentos feitos na área. Além disso, podemos citar outros motivos para acompanhar esse indicador:


Atuação estratégica

Com base nos dados e no ROI, é possível entender quais ações geram retorno direto e quais não estão sendo positivas dentro do RH.


A partir dessas informações, o gestor consegue tomar decisões assertivas e embasadas para realizar um planejamento coerente e estratégico.


Definir metas reais

O ROI no RH também pode ser uma forma para entender quais são as metas alcançáveis do setor. Com base nessa análise, é possível observar melhor a realidade da área e quais são os desafios enfrentados para manter o ROI sempre positivo.


Justificativas financeiras

Por não se tratar de uma área com impacto claro nos resultados financeiros, o RH enfrenta desafios ao propor ações que dependem de recursos financeiros.


Porém, com o cálculo do ROI, é possível obter argumentos com base em dados que mostram o real impacto monetário de determinada atividade.


Reconhecimento para o RH

Se os dados financeiros são efetivos para argumentar, eles também impulsionam o reconhecimento da área.


Com o ROI no RH positivo fica claro o desempenho do setor e quais são os objetivos e resultados entregues para a empresa, assim, o setor ganha visibilidade uma vez que interfere nos lucros.


ROI e Payback: qual a diferença?

Embora ROI e payback sejam indicadores que levam em consideração o retorno sobre investimento, eles possuem diferenças em seu uso.


O payback é analisado no que diz respeito ao tempo de retorno do investimento. Ou seja, analisa se aquelas ações tiveram retorno a curto, médio ou longo prazo.


Enquanto isso, o ROI demonstra o quanto a empresa ganhou ou perdeu sobre o investimento como um todo, independente do tempo do projeto ou ação.


Assim como o cálculo de ROI, a fórmula do payback também é simples:


PAYBACK = total investido / lucro líquido e a do ROI


Como a tecnologia pode melhorar o ROI no RH da sua empresa

A tecnologia é uma grande aliada do RH, principalmente para otimizar processos e economizar recursos, por isso tem impacto direto no ROI do setor.


De forma objetiva, é possível afirmar que uma ferramenta de recrutamento e seleção reduzirá o tempo de contratações.


Além disso, apresentará profissionais mais alinhados ao perfil da empresa, promovendo contratações mais assertivas, que consequentemente diminuirá o turnover.


Assim, os benefícios de um software como o PandaPé (utilizado pelo Grupo FX) podem ser analisados no ROI de diversas maneiras, direta ou indiretamente.


Além disso, com o ATS ainda é possível encontrar de forma simples e organizada em dashboards, dados essenciais como turnover, SLA e tempo de contratação, para o cálculo final do ROI. Clique aqui e solicite uma proposta comercial e descubra como o Grupo FX pode te ajudar.


FONTE: PandaPé

ANTUNES, Beatriz. ROI no RH: o que é, qual a importância e como calcular. PandaPé. São Paulo, 12 de abr. de 2022. Disponível em: <https://blog.pandape.com.br/roi-no-rh/>. Acesso em: 27 de abr. de 2022.


Agora que você aprendeu um pouco mais sobre o mercado de trabalho, que tal se juntar ao Grupo FX? Escolha uma das opções abaixo e faça parte da nossa história!

bottom of page